Troca das Pastilhas de Freio da Tucson

Troca das Pastilhas de Freio da Tucson

A troca das pastilhas de freio da Tucson costumam ser muito simples, não havendo problemas maiores pela baixa complexidade do processo. Vamos explicar o passo a passo da manutenção, os possíveis problemas e sinais que algo está errado. Inclusive, vamos indicar as melhores marcas de pastilha para você optar na hora de fazer a manutenção!

Mas antes de falar sobre o sistema de freios, vamos entender um pouco mais sobre esse sucesso de vendas da Hyundai, a Tucson!

O Tucson chegou ao mercado brasileiro em 2004, é um utilitário esportivo de porte médio (SUV) da montadora Hyundai. O nome do carro foi uma homenagem a cidade de Tucson, no Arizona, EUA. Seu design foi inspirado no Porche Cayenne, o que explica sua rápida aceitação no mercado, mesmo com concorrentes de peso, como o ix35, da própria montadora. O carro apresenta um bom desempenho, apesar do consumo elevado.

Pontos positivos:

• Espaço interno
• Robustez
• Garantia de fábrica (5 anos)

Pontos negativos:

• Peças de reposição caras
• Agilidade lenta no trânsito devido a combinação peso/cambio automático de 4 marchas
• Pós-venda

Troca da Pastilhas de Freio da Tucson

A manutenção das pastilhas de freio do Tucson deve ser feitas a cada 10.000 km, mas tudo depende da personalidade do motorista e de onde e como ele utiliza o carro. Carros que rodam em sua maioria nas estradas, costumam ter a durabilidade dos freios preservada, enquanto os que rodam na cidade têm os freios desgastados mais rapidamente.

Para fazer a manutenção corretiva, fique atento a alguns sinais do seu carro, tais como:

Ruídos

As pastilhas contam com um indicador de desgaste sonoro, quando elas atingem a espessura mínima, uma plaqueta de metal raspa no disco, produzindo um ruído agudo.

Espessura mínima de 2 mm.

Se você rodar muito tempo com as pastilhas além da espessura mínima, além de perigoso, ela começa a desgastar outros componentes do sistema, como o disco de freio, tornando a manutenção muito mais cara.

Alteração no tempo de frenagem.

Qualquer alteração no desempenho do freio e indicativo.

Mudança da altura do pedal.

O pedal fica ligeiramente mais baixo.

Ao reparar algum desses sinais, leve seu carro imediatamente ao mecânico!

Vídeo da Troca das Pastilhas feito na oficina da Breque

Veja agora um vídeo que nos fizemos mostrando a troca da pastilha de freio do Tucson, para você ficar atento na hora que levar seu carro ao mecânico!

Clique aqui para visualizar o vídeo no Youtube

Quer algumas sugestões de Pastilha de Freio para a Tucson?

Pastilhas Ferodo – Hyundai Tucson
Pastilhas Bosch – Hyundai Tuscon

Veja a lista completa das pastilhas de freio para o Hyundai Tucson

Procurar peças